Diplomacia Geopolítica

UNASUL: o fim da reciprocidade na construção do Brasil

Por Arthur Nadú Rangel

Ao observar os últimos acontecimentos e decisões tomadas pelo governo eleito, vemos que o mesmo não aprendeu com os erros passados do país e nem precisamos ir muito longe: os erros de três, cinco anos atrás, são repetidos de forma diferente, sob ideias de direita. Entre uma infinidade de velhos erros, os brasileiros esqueceram como a política externa é construída: não existe governo superior aos Estados, eles são todos soberanos em si e não podem se submeter em vassalagem a outros Estados. No entanto, com o fim da UNASUL, o Brasil decreta não apenas a morte do seu protagonismo (visto que a organização foi criada sob a liderança do Brasil) para aceitar uma posição de vassalagem aos Estados Unidos.(Leia mais aqui)

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: